Inesperado

Postado em Postado em Comportamento

Já tive certeza em dizer que aquele cara seria pra vida inteira. Já disse uma vez que o que quer que acontecesse, eu estaria junto com ele e sempre escolheria estar com ele. Acho que todos os casais fazem isso, planejam cerimônias de casamentos, nomes dos futuros filhos, como seria a casa dos sonhos, o carro, o trabalho perfeito junto com o companheiro, a viagem que farão daqui cinco anos… Isso tudo é normal. Normal porque quando você ama e está apaixonado, não liga pro resto do mundo. Só quer estar com aquela pessoa, seja por muito ou pouco tempo.

A questão é: e quando o inesperado acontece? Quando você se apaixona por outra pessoa ou descobre que seu namorado/ficante/marido não era quem pensava que fosse? Ou quando sua vida perde o sentido, sua felicidade é deixada de lado, seus sonhos são esquecidos e o sentimento bom morre? Nessas horas, precisamos tomar difíceis decisões.

Lembre-se primeiramente que sua felicidade deve estar em primeiro lugar. Não adianta tentar agradar ou ser quem você não é por alguém, porque em algum dia isso irá te corroer por dentro e te deixará depressiva. Acredite, no final de tudo você perceberá que não vale a pena fazer essas coisas por alguém. Amor não é prender, sufocar, chantagear, obrigar. É preciso respeitar a opinião, personalidade, sentimento e sonhos da pessoa por quem diz amar. Se não houver esse repeito, nenhum relacionamento durará. E por mais que seja doloroso aceitar a realidade de que você pode não estar feliz com uma pessoa, acredite que o melhor sempre pode acontecer.

Sabe o que eu percebo hoje? Que nunca temos certeza absoluta de nada e isso é bom. Sabe por que? Porque isso faz a cabeça se abrir ao inesperado, que muitas vezes é a solução de problemas complicados. Não deixe sua mente se fechar a um único plano. Coisas boas podem acontecer mesmo durante momentos ruins. Por isso esteja sempre, sempre aberta à tudo isso.

2 comentários em “Inesperado

  1. Thank you for sharing. Not to many people in your position are so gracious. Your article was very poignant and understandable. It helped me to understand very clearly. Thank you for your help.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *