Lojas com fachada e decoração criativas no Japão

Postado em Postado em Decoração

No curso comecei a estudar sobre Visual Merchandising ou VM e estou adorando. Passei a reparar mais nas fachadas, decorações, distribuição de produtos, tipos de iluminação e em outros detalhes das lojas. Mas além disso comecei a analisar o que mais chama atenção e foge do comum em um ambiente. Então, por curiosidade, fiz uma pesquisa em busca de lojas no Japão que tivessem uma decoração, fachada ou arquitetura criativa.

Encontrei várias interessantes e diferentes. A maioria está localizada em Aoyama, um bairro badalado da cidade de Tóquio. Lá é onde várias grifes e grandes marcas internacionais abrem um ponto de venda. Procurei fugir das marcas mais conhecidas, mas não consegui, porque achei que mereciam estar neste post pela criatividade. Então confiram as lojas que mais gostei!

Lucien Pellat-Finet, Osaka

A Lucien Pellat-Finet é uma boutique localizada em Shinsaibashi, Osaka, projetada pela Kengo Kuma & Associates. A inspiração vem do favo de mel que a gente percebe só de olhar as estruturas de madeira pela loja toda! A impressão que dá é de que a madeira está tomando conta do lugar, parece estar crescendo. A ideia era que o ambiente fosse o mais aconchegante possível e interessante de se observar. Fiquei com vontade de conhecer, e vocês?

Godiva, Shibuya

blog14Atualizados recentemente45

A loja conceito da Godiva localizada em Shibuya, Tóquio, é uma das favoritas dos japoneses. Isso porque além de hospedar a parte de confeitaria, o primeiro andar é inteiro dedicado às bebidas de chocolate quente e frio! Além disso o segundo andar é um tipo de sala de estar, para descansar. Foi projetada por Masamichi Katayama, que fez o ambiente parecer de chocolate.

Prada, Tóquio

blog12blog13

Projetado pelos arquitetos suíços Herzog & de Meuron, o “Epicenter” tem seis andares e toda a parte visível funciona como estrutura, espaço e fachada ao mesmo tempo. O legal é que o vidro é meio esverdeado, mas conforme a luz do dia vai mudando a cor e o brilho do edifício mudam também. De noite o edifício fica mais bonito ainda!

Patrick Cox, Tóquio

A boutique Patrick Cox localizada em Aoyama, Tóquio, foi projetada por Chikara Ohno que mostrou que a simplicidade tem poder. A loja inteira é branca e bem iluminada, destacando essas colunas cilíndricas no piso e teto que criam um visual único. Parece futurista e o interessante é que não tem um fio aparecendo.

Reed Space, Tóquio

Atualizados recentemente44c

Reed Space é uma loja lifestyle e galeria de arte localizada em Aoyama, Tóquio. Foi projetada em 2006 pela firma japonesa Upsetters Architects. O destaque fica por conta das prateleiras feitas de cadeiras!

Os arquitetos pensaram em tornar um espaço comercial em um público, fazendo com que as pessoas que não estavam acostumadas com arte e design se sentirem mais à vontade. Por isso tudo é bem simples e aconchegante. A ideia era fazer com que os clientes não só comprassem, mas quisessem permanecer mais tempo na loja/galeria.

Undercover, Tóquio

A marca Undercover do estilista Jun Takahashi tem uma flagship store (que é um tipo de “loja piloto”, que coordena as demais) em Aoyama, Tóquio. O ambiente da loja foi pensado no conceito da marca que é ser provocativo, fantasioso, obscuro e propõe um olhar diferente das coisas. O que mais chama atenção é o teto cheio de lâmpadas que criam uma iluminação incrível! Vários objetos que decoram a loja são do renomado designer industrial alemão Dieter Rams.

Louis Vuitton, Tóquio

blog15 08_gmrv_133-704x469

A fachada da boutique localizada em Tóquio foi reformada no ano passado por Aoki Jun. Os quadrados inspirados no padrão Damier dão um efeito tridimensional incrível! De noite LEDs se acendem deixando a logo em destaque e mantendo o efeito.

Encontrei vários restaurantes criativos também, mas como o post é sobre lojas resolvi deixar de fora. Sinceramente, achei que fosse encontrar umas mais doidas e exageradas já que é no Japão! Mas eu realmente não encontrei nenhuma. Não sei se me decepcionei um pouco, porque já vi umas mais trabalhadas aqui no Brasil mesmo. Mas acho que a criatividade não precisa aparecer em algo grande, pode ser em algo bem sutil não é mesmo? Então é isso, espero que tenham gostado! Beijos.

2 comentários em “Lojas com fachada e decoração criativas no Japão

  1. É maravilhoso você olhar a arquitetura contemporânea, os próprios materiais de construção é versátil, tudo se encaixe. É uma pena que o Brasil ainda está fixa à arquitetura moderna. Seria magnífico.
    Parabéns o seu blog é maravilhoso.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *