Browsing Tag

Casa

Pessoal

Uma segunda casa

img_6153cHá quase dois meses atrás fiz algo que nem todo mundo tem a coragem necessária para fazer: mudar de país. Atravessei o oceano até chegar do outro lado do mundo, no Japão. E preciso contar pra vocês o quanto minha vida mudou.

Não foram só as coisas mais óbvias que se tornaram novas para mim como a casa, trabalho, rotina, idioma, cultura e amigos, mas as mais peculiares também. Não entrar dentro de casa com sapato, jogar papel na privada, semáforos deitados, andar mais de bicicleta do que ônibus, comer doce de feijão e arroz, amar e odiar as estações do ano bem definidas, pagar a compra do mercado sozinha sem atendente, separar o lixo absurdamente, sair de madrugada e ter conveniências abertas em cada esquina com tudo que é necessário. Essas são algumas das coisas que mais achei diferentes do Brasil, mas todo dia descubro algo que me surpreende.

Apesar de muitas pessoas que convivo estranharem essas diferenças eu fico encantada e ansiosa para conhecer mais. É incrível pensar que há meses atrás estava sonhando com esse momento e agora ele é real. A melhor parte é que não tem um prazo para acabar, porque eu não quis determinar um. Quero aproveitar cada momento e viver experiências sem pensar no amanhã. Claro que eu planejo meu futuro, mas o que quero dizer é que quero viver o agora intensamente.

Quando alguém me pergunta quanto tempo pretendo ficar aqui eu sempre respondo que não sei. Dar uma resposta como essa pode parecer que eu não sei o quero pra minha vida, mas é o contrário. Eu sei exatamente onde quero estar, o que eu quero fazer, no que eu quero trabalhar e o que eu quero conquistar. O objetivo é estar em um lugar que eu me sinta em casa e que me proporcione felicidade com as coisas mais simples do dia a dia. E pra mim o Japão é assim. Uma segunda casa.

Decoração

Decoração escandinava

Um estilo que tem ganhado bastante atenção na decoração de interiores é o escandinavo. Ele reflete simplicidade, conforto e funcionalidade que formam uma combinação essencial para manter um ambiente aconchegante e atemporal. Próprio dos países do norte da Europa como Noruega, Finlândia, Suécia e Dinamarca, surgiu no início do século XX e foi inspirado pelas aquarelas de Carl Larsson, importante pintor sueco que retratava a casa onde vivia.

Ele está ganhando mais força aqui no Brasil mesmo sendo bem diferente do que muitos estão acostumados. O minimalismo em objetos, cores e informações pode dar a impressão de uma casa sem a personalidade do morador, mas não é bem assim. A proposta é manter o ambiente organizado e visualmente harmônico.

Separei algumas dicas e truques para incorporar esse estilo de decoração na sua casa sem deixar de lado o toque pessoal.

                                              

Uma das principais características do estilo escandinavo é a forte presença do branco e cores claras. Isso se baseia no fato de que em várias cidades nórdicas o sol aparece bem fraco durante meses e por isso é importante aproveitar ao máximo a luz que entra pelas janelas.

Deixar as paredes, pisos e móveis claros é uma forma de otimizar a iluminação. Em muitas inspirações dá para notar que as janelas não tem cortinas para deixar mais luz entrar.

Outra característica escandinava são os móveis e objetos funcionais. Cada um se encontra no lugar certo tornando assim o ambiente organizado e bem aproveitado. Nada de colocar coisas só por estética e beleza. Deve pensar na utilidade e se não vai deixar o ambiente carregado.

Logo que olhamos um ambiente com decoração escandinava percebemos a forte presença de texturas e elementos naturais. Nos países de origem as casas tinham elementos comuns da região como a madeira, pelúcias ou peles, linho, algodão, lã e muitas plantas. Todos eles dão um toque de aconchego e vida ao ambiente.

As formas e linhas são sempre simples e suaves. Miudezas e utensílios geralmente ficam guardados para não poluir o ambiente com muitas informações. Há também um contraste entre o que é moderno e rústico, novo e velho. Isso faz com que a decoração se torne atemporal. É possível notar alguns elementos industriais também.

Desde que reformei o meu quarto estou completamente apaixonada por esse estilo. Com certeza minha casa terá uma decoração escandinava com forte presença do preto e branco, elementos naturais e móveis com design bem limpo. Não vejo a hora de me inspirar, e vocês? Espero que tenham gostado das dicas! Beijos.

Decoração

5 dicas para deixar a casa mais sofisticada sem gastar muito

É comum olharmos os sites de inspiração de decoração e ficarmos sonhando com as casas luxuosas, cheias de móveis planejados e assinadas por designers renomados, com janelas enormes e ambientes espaçosos. Mas quando caímos na realidade percebemos que não é tão fácil ter uma casa assim. Apesar disso não precisamos ficar adiando essa vontade, podemos fazer acontecer – mesmo que aos poucos!

Separei algumas dicas e ideias para deixar a casa mais sofisticada sem gastar muito. Algumas referências podem parecer um pouco fora da realidade, mas podemos adaptá-las e tentar usar o que conseguimos. O que vale é a criatividade!

1) Detalhes em dourado, bronze e prata

Seja um abajur, pendente, vaso ou bandeja, a ideia é colocar pontos metálicos na casa. Eles dão o ar de riqueza e luxo, mesmo que apareçam em pequenos lugares. O dourado parece dar vida ao ambiente, enquanto o prata age como quase um espelho refletindo tudo. O bronze está cada vez mais popular e conquistando as pessoas por fugir do comum.

2) Espelhos

Espelhos sempre enriquecem a casa. Podemos misturar tamanhos e modelos diferentes na mesma parede, como na primeira foto, ou até substituir as pastilhas da cozinha, como na última foto. A ideia da terceira é ótima para quem quer economizar e dar um toque de criatividade.

3) Minimalismo

Nem sempre é preciso “enfeitar” demais. Muitas vezes o minimalismo é a chave para a elegância e sofisticação, assim como na moda. Seja na cartela de cores, design dos móveis, textura da parede e chão ou em objetos decorativos, o importante é manter a organização e fazer todo o conjunto estar em harmonia.

4) Transparência: vidro, acrílico e cristal

A transparência de objetos e móveis deixa o ambiente mais espaçoso e rico. Não precisa ser um móvel, pode ser uma pequena caixa, vaso, pote ou bandeja. O único problema é se o que está em cima ou dentro for algo que não combina com o resto da decoração. O plástico deve ser evitado e trocado por acrílico, vidro ou cristal que são materiais mais sofisticados. Existem exceções, mas como a ideia é enriquecer o ambiente é melhor apostar neles.

5) Elementos clássicos e vintage

O estilo moderno sempre dá um ar bem sofisticado, mas o clássico e vintage também consegue. Se misturarmos todos formamos uma combinação mais criativa e menos monótona. Pode ser um banquinho, louça, lustre, quadro, mesa ou qualquer enfeite que seja antigo. O mais interessante é que dessa forma o ambiente se torna sofisticado, mas cheio de história e personalidade.

Não importa se a casa é pequena ou grande, o que vale é ter uma decoração que combine com a nossa personalidade. Espero que tenham gostado das referências! Beijos.

Decoração

5 coisas que toda casa de uma família deveria ter

Enquanto a família inteira mora junta a casa geralmente costuma ser uma bagunça. Não uma bagunça de sujeira, mas uma bagunça de estilos diferentes de decoração e distribuição dos cômodos. Sala que vira escritório, passadeira do corredor que vira canto de beleza, balcão da cozinha que vira mesa de estudos e por aí vai. Mas a graça da casa de uma família é exatamente essa. A gente consegue perceber as diferentes personalidades e rotinas de quem mora ali. Não sei vocês, mas quando visito uma casa de um casal que não tem filhos ou de alguém que mora sozinho não sinto a mesma energia aconchegante e sensação de “estou em casa” que sinto morando com a minha família.

Eu tenho vontade de morar sozinha, mas sinto que ainda não tenho condições de me mudar. Até quando isso vir a acontecer vou continuar morando com todo mundo e eu gosto dessa ideia. Acontece que cada um tem uma rotina e gosto diferente. E isso acaba afetando a casa. Mas eu percebo que existem algumas necessidades que todos temos em comum. Então pensei em 5 coisas que a casa deveria ter que seria útil e interessante tanto para mim como para os meus irmãos e pais. E resolvi compartilhar nesse post!

1) Sala aconchegante e alegre

Victoria8Victoria7

A sala é o ambiente mais importante da casa, porque é o primeiro que damos de cara quando abrimos a porta de entrada. Por isso é legal estar bem decorada e alegre para receber as visitas e animar quem mora. Acho fundamental que tenha um ar aconchegante e acolhedor para toda a família se sentir bem. Imagina uma sala toda neutra e com objetos muito sérios! Seria bem triste né? Então tem que usar a criatividade e ver o que todo mundo gosta, principalmente em relação às cores (porque elas afetam no nosso humor). No caso de ser uma casa alugada ou ninguém quiser pintar as paredes é legal investir nos objetos e móveis coloridos. Só alguns detalhes já dão o toque de alegria no ambiente.

2) Espaço para encontros com amigos e reuniões familiares

Victoria9 Victoria10

Hoje eu e os meus irmãos gostamos de receber os amigos em casa e por isso achamos legal ter um espaço para isso. Aqui em casa o principal é a sala que é bem grande, mas se eu pudesse mexer em outros lugares eu montaria um cantinho de bar ou decoraria uma parte do quintal do fundo (que é mais privado). Eu adorei as inspirações, e vocês? Viram como nem é preciso ser um lugar muito grande? Às vezes um cantinho pequeno bem bonitinho é a solução perfeita.

3) Cozinha prática e convidativa

Victoria11 Victoria12

A cozinha nem sempre precisa ser fechada e no fundo da casa. Minha vó falou que antigamente os quartos ficavam na frente e a cozinha no fundo (como é na casa dela). Hoje é praticamente o contrário. Mas eu acho muito legal ter uma cozinha aberta do lado da sala com balcão e banquinhos para conversar com as pessoas. Aqui em casa não é assim, mas já morei em uma que era e eu adorei! Parece que tudo ficava mais espaçoso e animado.

4) Desktop decorado para todos

Victoria13 Victoria14

O computador aqui de casa é compartilhado, ou seja, todo mundo usa. Ele fica em um canto da sala de jantar e por isso nem tem como eu decorar a escrivaninha com a minha cara. Pensando nisso busquei inspirações de desktops que são decorados, mas que não servem só para uma pessoa. Gostaram? Eu já estou imaginando algumas mudanças aqui! Achei legal investir nos tons neutros e não encher de coisas para manter tudo organizado.

5) Pequenas ideias de organização

Victoria16Victoria15

Casa que tem várias pessoas é sempre difícil de manter arrumada todos os dias. Cada um tem uma rotina e horários diferentes de compromissos, por isso acaba ficando uma bagunça aqui e outra ali. Final de semana aqui em casa costumamos organizar as coisas, mas sempre tem umas que mesmo no lugar não parecem arrumadas. Eu percebi que às vezes é por causa que não combinam com o ambiente ou não estão expostas de um jeito bonito. Então acabo escondendo ou colocando em um canto que não fica visível. Isso acontece muito com utensílios da lavanderia, cozinha e banheiro. Coloquei várias ideias no post para inspirar vocês.

Muitas vezes eu tenho várias ideias para deixar a casa mais legal, mas os outros acabam não concordando e tudo fica como está. Se fosse minha casa faria muitas mudanças, mas como não é só minha tenho que respeitar. Espero que vocês tenham gostado do post! Beijos.